Corinthians - Jogos Históricos
   A ingressão na Liga Paulista (1913)
 CORINTHIANS
 TODOS OS JOGOS
 ÚLTIMOS JOGOS
 PRÓXIMOS JOGOS
 HISTÓRIA
 TÍTULOS
 JOGOS HISTÓRICOS
 ÍDOLOS
 ESCUDOS
 HINO
 CURIOSIDADES
 + CORINTHIANS
 MAIS FUTEBOL
 TODOS OS JOGOS
 DAS COPAS
 O AUTOR
 QUEM SOU
 CONTATO
 MINHAS FOTOS
 RECONHECIMENTO
 COLABORADORES

Compartilhe:

Corinthians 1 x 0 Minas Gerais
Corinthians 4 x 0 São Paulo SC
A ingressão na Liga Paulista (1913)


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Após quase 3 anos de vida e na condição de um dos mais populares e grandes da várzea paulistana, o clube se viu na obrigação de crescer cada vez mais. Faltava, então, se filiar na Liga Paulista.

Mas aí veio o primeiro problema. Os clubes mais tradicionais e de elite não concordavam com a ingressão de clubes populares, como o próprio Corinthians. Esses times, encabeçados pelo Paulistano, sáiram da LPF e fundaram a APEA (Associação Paulista de Esportes Atléticos). Neste primeiro ano, além do Paulistano, somente Mackenzie e AA Palmeiras disputaram a competição da APEA. Essa divisão permaneceu até 1916. Portanto, de 1913 à 1916 são reconhecidos dois campeões no mesmo ano: um da APEA e outro da LPF.

Mesmo o Corinthians pleiteando uma vaga na Liga "Popular" (a LPF), o ingresso do Corinthians não foi facilmente aceito. Inúmeros obstáculos foram colocados a frente da gente corintiana no intuito de desanimá-la. Mas a gente alvinegra insistia com todas as suas forças. De nada adiantaram a idéia de querer acabar, de uma vez, com a persistência dos alvinegros.

Idealizaram, então, uma eliminatória, certos de que o Corinthians não passaria por ela. Puseram dois grandes times adversários: Minas Gerais F. C. e São Paulo Sport Club.

E esses dois times foram indicados para enfrentar o Corinthians, numa eliminatória bem preparada para acabar de uma só vez, com as pretensões do Timão, pois ninguém, a não ser os próprios corintianos, acreditava nas possibilidades sequer de uma vitória do Corinthians. Foi tal a pressão e a guerra de nervos, que os próprios corintianos passaram a temer a histórica eliminatória.

Houve um sorteio para se ver qual seria o primeiro adversário do Timão. Quis a sorte que enfrentasse o Minas Gerais. Os inimigos do Corinthians sorriam satisfeitos e afirmavam que o Minas eliminaria o quadro dos operários, impondo-lhes uma surra inesquecível. A seguir, caberia ao Minas jogar com o São Paulo, já na festa de confraternização pela eliminação do clube corintiano.

Jogo 1 - Corinthians 1 x 0 Minas Gerais

Quando o Corinthians entrou em campo, em 23 de março, para a batalha contra o Minas Gerais, estavam com os nervos a flor da pele, cansados de ouvirem tamanha humilhação. Começou o jogo. A torcida estava em suspense. No começo, só deu Minas, mas depois, o Corinthians começou a se impor e não demorou para tomar conta do jogo. Todo o time passou a funcionar como uma máquina, fazendo surgir um gol espetacular, nos pés de Joaquim Rodrigues, que fez o povo corintiano vibrar.

Aquele 1 x 0 permaneceu até o final do jogo, para desespero de todos os inimigos do time do povo. Não fosse o nervosismo dos corintianos, teriam ganho de muito mais. Mas isso é o de menos, o que interessava era a vitória. Um passo já havia dado. Faltava o outro.

Jogo 2 - Corinthians 4 x 0 São Paulo SC

30 de março. Ganhar do São Paulo SC, era uma tarefa difícil, mas não impossível. Era a grande batalha que iria decidir toda a sorte corintiana. Uma vitória seria a realização de um sonho.

Diante do ambiente que se criara em torno dessa partida, da responsabilidade que ela representava para ambos os lados, os dirigentes, os torcedores e os jogadores são-paulinos acabaram ficando com medo.

O jogo foi iniciado sob grande nervosismo das torcidas. Logo aos primeiros minutos, os corintianos passaram a demonstrar possuir mais categoria técnica e uma equipe superior.

Surgiu o gol do Corinthians! Fabi foi o seu autor. Delírio dos alvinegros! Surgiu o segundo! Novamente Fabi! Começava então a grande festa do Timão. O terceiro gol não se fez esperar. Péres foi quem marcou desta vez! Antes da partida terminar, o Corinthians fez a bola dormir no fundo da rede mais uma vez! 4 x 0 Timão! Campanella era o herói!

Logo depois, o juiz apitava o fim do jogo, para delírio da torcida corintiana presente. Os jogadores choravam nos braços da torcida. Foi assim que o Corinthians entrou na Liga Paulista de futebol, em 1913.

FICHAS TÉCNICAS

CORINTHIANS: Casemiro do Amaral, Fúlvio, Casemiro González, Police, Alfredo, Lepre, César Nunes, Peres, Fabbi, Rodrigues, Campanella Téc.: Casemiro González
MINAS GERAIS: José, João, Plínio, Penteado, Affonso, Abel, Emílio, Ernesto, P. Lagos, J. Corrêa, Lagos
Local: Velódromo Paulistano - São Paulo (SP)
Data: 23/03/1913
Árbitro: Antônio Ribeiro
Gol: Rodrigues

CORINTHIANS: Casemiro do Amaral, Fúlvio, Casemiro González, Police, Alfredo, Lepre, César Nunes, Peres, Fabbi, Rodrigues, Campanella Téc.: Casemiro González
SÃO PAULO SC: Moreira, Eugênio, Villaça, Vicente, Luiz, Geraldo, Dante, Eurico, Mariano, João, Mário
Local: Velódromo Paulistano - São Paulo (SP)
Data: 30/03/1910
Árbitro: Gronan
Gol: Fabbi, Fabbi, Peres e Campanella


Compartilhe:

Seja o primeiro a comentar:

Nome*

Comentário*


Nenhum comentário


Voltar para o início da página


Corinthians 0 x 1 União da Lapa - O primeiro jogo (1910)

Corinthians 2 x 0 Estrela Polar - A primeira vitória (1910)

SCCP 1 x 0 MG / SCCP 4 X 0 SPSC - A ingressão na Liga Paulista (1913)

Corinthians 0 x 3 Torino (ITA) - O primeiro jogo internacional (1914)

Corinthians 4 x 0 Campos Elyseos - O primeiro título (1914)

Corinthians 2 x 1 Flamengo (RJ) - O primeiro jogo fora do Estado de São Paulo (1918)

Corinthians 11 x 0 Santos - A maior goleada (1920)

Corinthians 2 x 0 Paulistano - Campeonato Paulista de 1922

Corinthians 2 x 2 América RJ - A inauguração da Fazendinha (1928)

Corinthians 3 x 1 Barracas (ARG) - A primeira vitória internacional (1929)

Corinthians 6 x 1 Bologna (ITA) - As primeiras imagens em movimento do Corinthians (1929)

Corinthians 3 x 2 Vasco - O "Campeão dos Campeões" (1930)

Corinthians 5 x 2 Santos - Duas vezes tri (1930)

Corinthians 4 x 1 Santos - Três vezes tri (1939)

Corinthians 4 x 2 Atlético MG - A inauguração do Pacaembu (1940)

Corinthians 4 x 1 Combinado Uruguaio - A primeira partida no exterior (1951)

Corinthians 1 x 0 Barcelona - Pequena Taça do Mundo (1953)

Corinthians 1 x 1 Palmeiras - Campeonato Paulista de 1954

Corinthians 0 x 2 Arsenal - O Timão foi Brasil (1965)

Corinthians 2 x 0 Santos - A quebra do tabu (1968)

Corinthians 4 x 3 Palmeiras - Campeonato Paulista de 1971

Corinthians 1 x 1 Fluminense - A Invasão Corintiana (1976)

Corinthians 1 x 0 Ponte Preta - O fim do jejum (1977)

Corinthians 3 x 1 São Paulo - Campeonato Paulista de 1982

Corinthians 10 x 1 Tiradentes - A maior goleada do Brasileirão (1983)

Corinthians 1 x 1 São Paulo - O Bi da Democracia (1983)

Corinthians 4 x 1 Flamengo - Campeonato Brasileiro de 1984

Corinthians 1 x 0 Corinthian-Casuals - O encontro de pai e filho (1988)

Corinthians 1 x 0 Guarani - Campeonato Paulista de 1988

Corinthians 1 x 0 Palmeiras - Campeonato Brasileiro de 1989

Corinthians 2 x 1 Atlético MG - Campeonato Brasileiro de 1990

Corinthians 2 x 1 Bahia - Campeonato Brasileiro de 1990

Corinthians 1 x 0 São Paulo - Campeonato Brasileiro de 1990

Corinthians 1 x 0 Grêmio - Copa do Brasil de 1995

Corinthians 2 x 1 Palmeiras - Campeonato Paulista de 1995

Corinthians 6 x 2 Atlético Paranaense - Copa do Brasil de 1997

Corinthians 1 x 1 São Paulo - Campeonato Paulista de 1997

Corinthians 2 x 0 Cruzeiro - Campeonato Brasileiro de 1998

Corinthians 8 x 2 Cerro Porteño - Libertadores da América de 1999

Corinthians 2 x 2 Palmeiras - Campeonato Paulista de 1999

Corinthians 3 x 2 São Paulo - Campeonato Brasileiro de 1999

Corinthians 0 x 0 Atlético Mineiro - Campeonato Brasileiro de 1999

Corinthians 2 x 2 Real Madrid - Mundial de Clubes da FIFA de 2000

Corinthians 0 x 0 Vasco - Mundial de Clubes da FIFA de 2000

Corinthians 4 x 3 Flamengo - Torneio Rio-São Paulo de 2001

Corinthians 2 x 1 Santos - Campeonato Paulista de 2001

Corinthians 1 x 1 São Paulo - Torneio Rio-São Paulo de 2002

Corinthians 1 x 1 Brasiliense - Copa do Brasil de 2002

Corinthians 3 x 2 São Paulo - Campeonato Paulista de 2003

Corinthians 5 x 1 Cianorte - Copa do Brasil de 2005

Corinthians 7 x 1 Santos - Campeonato Brasileiro de 2005

Corinthians 3 x 2 Universidad Católica - Libertadores da América de 2006

Corinthians 1 x 0 São Paulo - Campeonato Brasileiro de 2007

Corinthians 4 x 0 Goiás - Copa do Brasil de 2008

Corinthians 2 x 0 Ceará - Campeonato Brasileiro de 2008 - Série B

Corinthians 1 x 1 Palmeiras - Campeonato Paulista de 2009

Corinthians 3 x 1 Santos - Campeonato Paulista de 2009

Corinthians 2 x 2 Internacional - Copa do Brasil de 2009

Corinthians 4 x 2 Fluminense - O Hat-trick do Fenômeno (2009)

Corinthians 5 x 0 São Paulo - Campeonato Brasileiro de 2011

Corinthians 2 x 1 Atlético MG - Campeonato Brasileiro de 2011

Corinthians 1 x 0 Figueirense - Campeonato Brasileiro de 2011

Corinthians 0 x 0 Palmeiras - Campeonato Brasileiro de 2011

Corinthians 1 x 0 Vasco - Libertadores da América de 2012

Corinthians 1 x 0 Santos - Libertadores da América de 2012

Corinthians 1 x 1 Santos - Libertadores da América de 2012

Corinthians 1 x 1 Boca Juniors - Libertadores da América de 2012

Corinthians 2 x 0 Boca Juniors - Libertadores da América de 2012

Corinthians 1 x 0 Al-Ahly - Mundial de Clubes da FIFA de 2012

Corinthians 1 x 0 Chelsea - Mundial de Clubes da FIFA de 2012

Corinthians 1 x 1 Santos - Campeonato Paulista de 2013

Corinthians 2 x 0 São Paulo - Recopa Sul-Americana de 2013

Corinthians 2 x 0 Flamengo - A despedida do Pacaembu (2014)

Corinthians x Corinthians - A inauguração da Arena Corinthians (2014)

Corinthians 0 x 1 Figueirense - A inauguração oficial da Arena Corinthians (2014)

Corinthians 2 x 1 Internacional - A primeira vitória na Arena Corinthians (2014)

Corinthians 2 x 0 Palmeiras - O primeiro Dérbi da Arena Corinthians (2014)

Corinthians 3 x 2 São Paulo - O primeiro Majestoso da Arena Corinthians (2014)

Corinthians 3 x 0 Corinthian-Casuals - O reencontro de pai e filho (2015)

Corinthians 2 x 0 São Paulo - O primeiro Majestoso da história da Libertadores (2015)

Corinthians 3 x 0 Atlético MG - Campeonato Brasileiro de 2015

Corinthians 1 x 1 Vasco - Campeonato Brasileiro de 2015

Corinthians 6 x 1 São Paulo - Campeonato Brasileiro de 2015

Corinthians 1 x 1 Ponte Preta - Campeonato Paulista de 2017

Corinthians 3 x 2 Palmeiras - Campeonato Brasileiro de 2017

Corinthians 3 x 1 Fluminense - Campeonato Brasileiro de 2017

Corinthians 1 x 0 São Paulo - Campeonato Paulista de 2018

Corinthians 1 x 0 Palmeiras - Campeonato Paulista de 2018

Corinthians 2 x 1 São Paulo - Campeonato Paulista de 2019



HOME  |  TODOS OS JOGOS  |  HISTÓRIA  |  TÍTULOS  |  JOGOS HISTÓRICOS  |  ÍDOLOS  |  ESCUDOS  |  HINO  |  CURIOSIDADES  |  + CORINTHIANS  |  MAPA DO SITE

QUEM SOU  |  CONTATO  |  MINHAS FOTOS  |  RECONHECIMENTO  |  COLABORADORES  |  CRÉDITOS E AGRADECIMENTOS

© 2007 - 2021 VICTOR HUGO BRIZOTTO GARCIA

Envie seu comentário, crítica ou sugestão para contato@todopoderosotimao.com Curta o Todo Poderoso Timão no Facebook!
Siga o Todo Poderoso Timão no Twitter!
Siga o Todo Poderoso Timão no Instagram!