Corinthians - Curiosidades
   Os jogos contra o Barcelona
 Home
 Corinthians
 Todos os Jogos
 Últimos Jogos
 Próximos Jogos
 História
 Títulos
 Jogos Históricos
 Ídolos
 Escudos
 Curiosidades
 Hino
 + Corinthians
 Mais Futebol
 Almanaque das
 Copas
 Todos os Jogos
 das Copas
 O Autor
 Quem sou
 Contato
 Minhas fotos
 Reconhecimento
 Colaboradores
 Outros Sites
 Site Oficial
 Outros Links

Compartilhe:

O Corinthians sempre se deu jogando contra o poderoso Barcelona.

A primeira vez que as equipes se encontraram foi na Pequena Taça do Mundo, em 1953.

Além do Timão e do Barça (campeão espanhol), foram chamados a Roma, da Itália, e a seleção de Caracas, cidade sede do torneio.

Após vencer a Roma na estréia, o Timão enfrenou o Barcelona, no dia 18 de julho. E foi um show corinthiano, que contava com um ataque que é considerado um dos melhores de sua história, com Cláudio, Luizinho, Carbone e Mário. Luizinho abriu o placar para o Timão, logo aos 2 minutos. No fim da primeira etapa, Moreno empatou para o Barcelona.

Mas no segundo tempo, o Timão foi para cima e abriu 3 x 1 no placar, com Carbone e Luizinho. O Barça ainda fez o segundo gol com Kubala, mas não dava tempo para mais nada. Vitória por 3 x 2 e liderança.

No primeiro jogo do segundo turno, novamente o dois times se encontraram. O Timão já tinha 3 vitórias e era líder. Uma nova vitória sobre a equipe espanhola daria o título antecipado ao Corinthians.

E foi um jogo disputadíssimo, com o primeiro tempo terminando com os "zeros" no placar. Na segunda etapa, o Corinthians abriu o placar aos 17 minutos, com Goiano. Aos 25 minutos, uma briga generalizada interrompeu o jogo por 17 minutos. Mas nada mudou no placar depois disso. 1 x 0 Timão, Campeão da Pequena Taça do Mundo.

Ver "Títulos - Pequena Taça do Mundo - 1953

FICHAS TÉCNICAS

1º Jogo
CORINTHIANS: Cabeção, Homero, Olavo, Goiano, Sula (Idário) e Julião (Roberto); Cláudio, Luizinho, Nardo (Vermmelho), Carbone e Souzinha. Téc.: Rato

BARCELONA: Velasco, Seguer e Segarra; Flotats, Biosca e Bosch; Bassora, Cesar, Kubala, Moreno e García. Téc.: Ferdinand Daucik

Local: Olímpico de Caracas - Caracas (Venezuela)
Data: 18/07/1953
Árbitro: Braumberger
Público: Não disponível
Renda: Cr$ 2.130.000,00
Gols: Luizinho (2 - 1º), Moreno (47 - 1), Carbone (14 - 2º), Luizinho (33 - 2º) e Kubala (40 - 2º)

2º Jogo
CORINTHIANS: Cabeção, Homero, Olavo (Julião), Idário (Sula), Goiano e Roberto; Cláudio, Luizinho (Nardo), Vermelho, Carbone e Mário. Téc.: Rato

BARCELONA: Velasco, Seguer e Segarra; Flotats, Biosca e Bosch; Bassora, Cesar, Kubala, Moreno e García. Téc.: Ferdinand Daucik

Local: Olímpico de Caracas - Caracas (Venezuela)
Data: 26/07/1953
Árbitro: Jackson
Público: Não disponível
Renda: Cr$1.200.00,00
Gol: Goiano (17 - 2º)


O próximo encontro entre os dois ocorreu na casa do Barça, o famoso Camp Nou, em 1959.

O amistoso, disputado no dia 24 de junho, foi parte de uma série de jogos que o Timão fez no velho continente.

O Barcelona, então campeão espanhol, contava com o brasileiro Evaristo de Macedo, que fez história no time catalão.

O próprio Evaristo abriu o placar para o Barça, aos 27 do primeiro tempo. Um minuto depois, Luizinho empata. Dois minutos depois, Czibor coloca novamente o Barcelona na frente, dando números finais ao primeiro tempo.

Mas o Timão voltou arrebatador na segunda etapa. Bataglia (1 minuto), Índio (4) e Tite (17) colocam o Timão bonito na frente: 4 x 2. Antes do final do jogo, Tite faz mais e aumenta o placar. A dois minutos do fim, Evaristo faz mais um, mas não impede a histórica vitória do Timão: 5 x 3.

Só para constar: o Corinthians teve outros resultados fantásticos durante a excursão:

3 x 2 contra o Bayern Munique; 3 x 2 contra a Seleção Antuérpia (Bélgica); 1 x 1 contra o Benfica; 1 x 0 contra o Porto; 4 x 3 contra o Sevillha; e 3 x 0 contra a Seleção La Coruña, mostrando que o Corinthians era um dos melhores times daquela época.

CORINTHIANS: Gylmar; Olavo e Oreco; Walmir, Goiano, Roberto; Bataglia, Luizinho (Joãozinho), Índio, Rafael (Benedito) e Tite. Téc.: Sylvio Pirillo

BARCELONA: Estremis, Rife, Pinto, Martínez, Verges, Rivelles, Torres, Villaverde, Evaristo de Macedo, Kubala e Czibor. Téc.: Helenio Herrera

Local: Camp Nou - Barcelona (Espanha)
Data: 24/06/1959
Árbitro: Gomes Contreras
Público: Não disponível
Renda: Não disponível
Gols: Evaristo (27 - 1º), Luizinho (28 - 1º), Czibor (30 - 1º), Bataglia (1 - 2º), Índio (4 - 2º), Tite (17 e 41 - 2º) e Evaristo (43 - 2º)


A última partida contra o Barcelona ocorreu em 1969, na final do Torneio Costa do Sol, na Espanha.

Este Torneio é uma competição organizada anualmente pelo clube Málaga, no período da pré-temporada européia.

Além de Corinthians, Barça e Málaga, o torneio contou com o argentino River Plate.

Na semifinal o Corinthians derrotou o Málaga, enquanto o Barça derrotou o River.

Na final, disputada no dia 17 de agosto, os espanhóis abriram o placar logo aos 12 minutos da etapa inicial. Mas o Corinthians buscou o empate ainda aos 20 minutos do primeiro tempo, com Adnan.

O placar permaneceu assim até o fim do tempo normal. Então fomos para a prorrogação. Mas o 0 a 0 ainda persistiu. Mais 30 minutos, portanto (sim, a segunda prorrogação). Depois de primeiro tempo novamente zerado, Benê marcou para o Corinthians aos 7 minutos da etapa final da 2ª prorrogação: 2 x 1 Timão, título conquistado e freguesia mantida!

Ver "Títulos - Torneio Costa do Sol - 1969

CORINTHIANS: Alexandre (Diogo), Polaco, Ditão, Luís Carlos e Pedro Rodrigues (Miranda); Dirceu Alves, Suingue e Carlinhos (Tião); Benê, Servílio (Tales) e Adnan. Téc.: Dino Sani

BARCELONA: Reina, Torres, Gallego, Eládio, Rife, Ramoni, Rexach, Záldua, Bustillo, Zebalza e Pujol. Téc.: Salvador Artigas

Local: La Rosalera - Málaga (Espanha)
Data: 17/08/1969
Árbitro: José Zariquiegui
Público: Não disponível
Renda: Não disponível
Gols: Zaldúa (12 - 1º), Adnan (20 - 1º) e Benê (7 - 2º tempo da 2º prorrogação)


Compartilhe:

Todos os Jogos (Planilha com todos os jogos da história do Corinthians)

Uniforme

Terceiras Camisas

"Timão" e o "Campeão dos Campeões"

São Jorge e o Mosqueteiro

Os maiores artilheiros da história do Corinthians

Quem mais jogou com a camisa do Timão

Primeiros

Recordes

Corinthianos artilheiros

Maiores goleadas aplicadas

Maiores públicos do Corinthians

Maiores Invencibilidades

As Escalações Titulares mais Escaladas

Mata-mata: Corinthians x Outros

Os Estádios dos Títulos

As "Casas" do Corinthians

Os Mosaicos do Pacaembu

Os Mosaicos da Arena

As Invasões Corinthianas

Os Projetos fracassados de estádios

Os Jogos no Aniversário

Os Jogos contra o Corinthian inglês

Os Jogos contra o Barcelona

Os Jogos com portões fechados

O dia em que o Timão foi Brasil

Técnicos - do Corinthians para a Seleção

Campeão sem jogar

Fita Azul do Futebol Brasileiro

O Torino e a Camisa grená

Os Patrocínios

O Time das viradas

Os Bustos do Parque São Jorge

A morte de Lidu e Eduardo

A quase tragédia no Equador

Osso duro de roer

A Pena do galo verde

Ganhando na moedinha

Todos os Presidentes

Títulos invictos

Gols históricos no Brasileirão

Corinthianos em Copas do Mundo



Home  |  Todos os Jogos  |  História  |  Títulos  |  Jogos Históricos  |  Ídolos  |  Escudos  |  Curiosidades  |  Hino  |  + Corinthians  |  Mapa do Site

Quem sou  |  Contato  |  Minhas Fotos  |  Reconhecimento  |  Colaboradores  |  Créditos e Agradecimentos
© 2007 - 2018 Victor Hugo Brizotto Garcia

Envie seu comentário, crítica ou sugestão para contato@todopoderosotimao.com Curta o Todo Poderoso Timão no Facebook!
Siga o Todo Poderoso Timão no Twitter!
Siga o Todo Poderoso Timão no Instagram!