Corinthians - Curiosidades
   O dia em que o Timão foi Brasil
 Home
 Corinthians
 Todos os Jogos
 Últimos Jogos
 Próximos Jogos
 História
 Títulos
 Jogos Históricos
 Ídolos
 Escudos
 Curiosidades
 Hino
 + Corinthians
 Mais Futebol
 Almanaque das
 Copas
 Todos os Jogos
 das Copas
 O Autor
 Quem sou
 Contato
 Minhas fotos
 Reconhecimento
 Colaboradores
 Outros Sites
 Site Oficial
 Outros Links

Compartilhe:


O Timão virou Brasil.

Em 1965, o Corinthians foi convidado pela CBD, Confederação Brasileira de Desportos, para representar a Seleção Brasileira em um amistoso contra o Arsenal, na Inglaterra.

O Corinthians, honrado, aceitou o convite, mas teve que correr contra o tempo. Dois dias antes do jogo na Inglaterra, o Corinthians enfrentou o Santos, de Pelé, pelo Campeonato Paulista. Jogando a uma temperatura de 30 graus, o time foi direto do Morumbi para Congonhas. De lá, pro Rio. E do Rio pra Londres.

Na capital inglesa, um choque de temperatura: -3 graus, aumentando ainda mais a dificuldade do confronto, disputado no dia 16 de novembro.

Apesar da luta em campo, o Corinthians não conseguiu evitar a derrota: 2 x 0 para o Arsenal, gols de Sammels aos 8 do 1º tempo e aos 25 do 2º.

Apesar de Oswaldo Brandão ser o técnico, quem assinou a súmula foi o auxiliar José Teixeira, visto que Brandão não tinha diploma de técnico.

Após o jogo, ambos os times receberam a ilustre visita do príncipe Philip, que visitou os vestiários para conversar com os jogadores.

Mesmo com a derrota, o Corinthians voltou orgulhoso com a homenagem, sendo o primeiro clube a representar a Seleção Brasileira fora do país.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS / BRASIL: Marcial, Galhardo (Jair Marinho), Eduardo, Clóvis e Édson “Cegonha”; Dino Sani e Rivellino; Marcos, Flávio, Nei e Geraldo. Técnicos: Oswaldo Brandão e José Teixeira.

ARSENAL: Burns (Fornell); Howe, Storey, Neil; Curt, McLintock; Skirton, Sammels, Baker, Eastham e Armstrong. Técnico: Billy Wright

Local: Highbury (Londres)
Data: 16/11/1965
Árbitro: Harold Phillips (Escócia)
Público: 17.789
Renda: 11.000 libras
Gols: Sammels (8 - 1º e 25 - 2º)

Em 2013, o Corinthians resolveu relembrar esse momento histórico do clube e lançou uma terceira camisa em alusão a esse jogo.


Compartilhe:

Todos os Jogos (Planilha com todos os jogos da história do Corinthians)

Uniforme

Terceiras Camisas

"Timão" e o "Campeão dos Campeões"

São Jorge e o Mosqueteiro

Os maiores artilheiros da história do Corinthians

Quem mais jogou com a camisa do Timão

Primeiros

Recordes

Corinthianos artilheiros

Maiores goleadas aplicadas

Maiores públicos do Corinthians

Maiores Invencibilidades

As Escalações Titulares mais Escaladas

Mata-mata: Corinthians x Outros

Os Estádios dos Títulos

As "Casas" do Corinthians

Os Mosaicos do Pacaembu

Os Mosaicos da Arena

As Invasões Corinthianas

Os Projetos fracassados de estádios

Os Jogos no Aniversário

Os Jogos contra o Corinthian inglês

Os Jogos contra o Barcelona

Os Jogos com portões fechados

O dia em que o Timão foi Brasil

Técnicos - do Corinthians para a Seleção

Campeão sem jogar

Fita Azul do Futebol Brasileiro

O Torino e a Camisa grená

Os Patrocínios

O Time das viradas

Os Bustos do Parque São Jorge

A morte de Lidu e Eduardo

A quase tragédia no Equador

Osso duro de roer

A Pena do galo verde

Ganhando na moedinha

Todos os Presidentes

Títulos invictos

Gols históricos no Brasileirão

Corinthianos em Copas do Mundo



Home  |  Todos os Jogos  |  História  |  Títulos  |  Jogos Históricos  |  Ídolos  |  Escudos  |  Curiosidades  |  Hino  |  + Corinthians  |  Mapa do Site

Quem sou  |  Contato  |  Minhas Fotos  |  Reconhecimento  |  Colaboradores  |  Créditos e Agradecimentos
© 2007 - 2018 Victor Hugo Brizotto Garcia

Envie seu comentário, crítica ou sugestão para contato@todopoderosotimao.com Curta o Todo Poderoso Timão no Facebook!
Siga o Todo Poderoso Timão no Twitter!
Siga o Todo Poderoso Timão no Instagram!